Free Porn
xbporn
- Publicidade -

A história do Carnaval nas páginas da ‘Seleções’

História  do carnaval da cidade é revisitada na exposição '63 anos de Seleções CArnavalescas'
História do carnaval da cidade é revisitada na exposição ’63 anos de Seleções CArnavalescas’

Parte integrante da programação do Carnaval 2015, a exposição “63 anos de Seleções Carnavalescas”, conta a história dos carnavais de Poços de Caldas através da publicação Seleções Carnavalescas, que teve sua primeira edição no ano de 1952. Idealizada e editada por Décio Alves de Moraes, hoje a publicação continua na família, tendo à frente a fotógrafa Rossmaly Alves de Moraes e seu filho, o jornalista Juliano Borges.

A abertura da exposição acontece neste  sábado ,14, às 10h, na Estação Mogyana (Fepasa), com horário de visitação a partir das 13h, até terça, 17. A exposição conta com 13 banners que acompanham a história do carnaval de Poços de Caldas, década por década.

Os visitantes podem observar a evolução da comunicação, além das festas e do comportamento dos foliões. As primeiras fotos mostram os desfiles de corso, com carros elegantes e passageiros discretos. Mostra ainda as festas nos salões do Palace Casino.

A partir de 1960, o Carnaval de rua passou a sofrer restrições policiais e os clubes passaram a ter ainda mais público. A cada ano, turistas e poços-caldenses recebiam um exemplar dessa revista, que publicava as letras das principais marchinhas e também era um guia local.

Nos anos 70 a Seleções passa a ter mais informações, com a publicação dos regulamentos dos desfiles e os sambas-enredos das escolas e blocos locais. Em 1980, a Seleções inaugura uma seção que se tornaria tradicional na revista, a “Mensagem do Prefeito”. Ronaldo Junqueira desejava um bom Carnaval para os foliões: “Poços de Caldas tem a honra de enviar aos turistas-foliões cordial mensagem e votos de boas vindas e feliz divertimento”, escreveu o ex-prefeito.

A partir de 1992, nomes ilustres passaram a colaborar com a publicação. Entre eles a historiadora Nilza Botelho Megale, o médico Benedictus Mário Mourão, o escritor Marcus Vinícius de Moraes e o jornalista Cassinho da Rocha, que permanece como colunista até os dias de hoje.

Neste mesmo período, a Seleções passou a cobrir os eventos da folia local, com destaque para o luxuoso Concurso de Fantasias Isoladas e o Baile Brilhos e Luzes. Com a evolução das artes gráficas, a partir de 1995, a capa da revista passou a ter fotos dos foliões. Em 2007, a publicação passou a ser toda colorida, representando com ainda mais alegria o carnaval local.

Em 2012 a Seleções cresceu, com páginas maiores e ainda mais espaço para o folião e a cobertura dos principais eventos momescos. Desde então, são homenageadas pessoas que fazem parte da história da folia em Poços de Caldas, como a cabeleireira Débora Mori, a artista plástica Therezinha Gomes e os fundadores da escola de samba Saci-Pô.

E a história continua. No Carnaval de 2015, a revista, distribuída gratuitamente,  será encontrada nos principais eventos carnavalescos, sempre com muita informação e representando toda a beleza do Carnaval poços-caldense.

Veja também